Todos são inocentes até que se prove o contrário: entenda mais sobre o princípio da presunção de inocência!

Você está visualizando atualmente Todos são inocentes até que se prove o contrário: entenda mais sobre o princípio da presunção de inocência!

Você já deve ter ouvido, de algum conhecido ou mesmo em filmes, que as pessoas são inocentes até que se prove o contrário. Essa premissa decorre de um princípio constitucional denominado princípio da presunção de inocência (ou princípio da não-culpabilidade). Esse princípio está previsto no inciso LVII do art. 5º da Constituição da República Federativa de 1988, que prevê que “ninguém será considerado culpado até o trânsito em julgado de sentença penal condenatória”.

O tal “trânsito em julgado de sentença penal condenatória” significa que, para considerar alguém culpado criminalmente, é necessário que ele seja condenado e que essa decisão transite em julgada, isto é, fique definitiva, seja porque o indivíduo esgotou as instâncias de recurso, seja porque perdeu o prazo para recorrer, seja porque deliberadamente optou por não recorrer.

Apesar do princípio da presunção de inocência impedir que a pena seja executada antes da sentença condenatória ficar definitiva, é possível haver a chamada prisão provisória durante o processo ou até mesmo durante as investigações. Para entender mais sobre prisões provisórias, clique aqui.

Para entender mais sobre o princípio da presunção de inocência, veja o vídeo.


Link deste post no meu site:


▶️ Confira meu curso sobre Ciências Criminais.

🌎 Acesse o meu site e fique por dentro do mundo do Direito.

🔗 Siga o meu perfil no Instagram, interaja comigo e veja as notícias mais recentes sobre o Direito.

👨🏼‍🏫 Veja os cursos que leciono.

⬇️ Entre no nosso grupo no WhatsApp.

📧 Assine minha newsletter para receber conteúdo jurídico atualizado diretamente no seu e-mail.

📒 Veja os livros que recomendo.

💭 Sugira um assunto para ser abordado em texto, vídeo ou podcast.

Acesse a Comunidade Penal, um curso por assinatura no qual você terá acesso a um vasto conteúdo abrangendo as Ciências Penais, com aulas teóricas sobre Direito Penal e Processo Penal. Abrange também aulas de Prática Forense Penal, disciplina essa às vezes esquecida pela maioria das faculdades de Direito do Brasil.


Lucas Cotta de Ramos

👨🏻‍💼 Advogado, professor e autor de artigos jurídicos.